A Garganta da Serpente

Darlan de Matos Cunha

  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

AS RUÍNAS

Raízes imensas feito jibóias,
urutus e sucuris cobrem
a herança de pedra, e ali estão
há séculos, abraçando-se
cada vez mais
forte, cada uma sufocando-se
e sufocando a outra
num terno abraço, mas nós dois
ainda não conseguimos
tal imitação.


(Darlan de Matos Cunha)


voltar última atualização: 10/12/2008
14468 visitas desde 01/07/2005

Poemas deste autor:

Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente