A Garganta da Serpente
ajuda
 
 
  versão para impressão
La Fontaine
recomende esta página
Jean de La Fontaine


O velho e a morte
(La Fontaine)

Um miserável velho se afligia
Com um feixe de lenha que trazia.
Jogou com ele ao chão, já de cansado,
E chamou pela Morte, agoniado.

Aparecendo-lhe esta, perguntava
Com que fim tão solícito a chamava.
- Rogo-te - disse o velho, de mãos postas -
Que me ajudes a pôr o feixe às costas.

(fonte: "Fábulas de La Fontaine". Tradução: Couto Guerreiro
Rio de Janeiro: Editora Brasil-América - EBAL - SA, 1985)

3157 visitas desde 20/05/2006

xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx xxx
   
 
Últimas fábulas:

O cão fugitivo (Esopo)

A língua e os dentes (Leonardo da Vinci)

O lobo e os pastores (La Fontaine)

As lebres e as rãs (Esopo)

O testamento da águia (Leonardo da Vinci)

A lebre e a perdiz (La Fontaine)


» Todas as fábulas

» Listar autores



Copyright © 1999-2013 A Garganta da Serpente
Direitos reservados aos autores  •  Termos e condições  •  Fale Conosco www.gargantadaserpente.com