A Garganta da Serpente
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

são paulo terra de fé

São Paulo
tua fama
é a chama operária
da renovação.
São Paulo
tuas ruas
direitas e tortas
têm história na geografia.
Teus metrôs
e arranha-céus
atestam tuas glórias
em teu sangue de bandeirante.
A todo o instante
é exemplo à nação.
São Paulo
és ouro e prata
gigante de fé
em pedra,cimento e aço...
São Paulo,
eterno que não pára
és capital e interior
vida e sonho brasileiro
celeiro de luta
e de amor...
Quantas canções pelo rádio...
Cenários antigos e boêmio
Livros... "São Paulo dos Meus Amores"...
e das folhetarias de Cordel...
São Paulo
terra do progresso
das máquinas e das luzes
sede operária do Poder
São Paulo do rico e do pobre
do povo nobre e sonhador...
São Paulo
tens as entranhas
presas as estrelas do céu.
Oh! São Paulo do Cordel
da trova, do haicai e do soneto
do poeta ´prosador....
São Paulo
tua poesia
é eterna noite e dia...
São Paulo pátria de todos
perfil de gente capaz
que rasga o tempo dos tempos
com fibra sempre audaz.
Minha São Paulo
meu preito
de paulista de ribeirão Preto.
parabéns por nossa gente
que há quase quinhentos anos
lápida o teu rico chão...
Viva São Paulo, o orgulho da nação.



NILTON MANOEL

(poeta do Interior)
postado em 11/4/04
Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com