A Garganta da Serpente
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

VIDA

A vida é o ódio de hoje
É o ai que não soa
Sombra que foge
Nuvem que voa.
A vida é sonho leve
Que se desfaz como neve
Dura por um momento
Mais leve que o pensamento
A vida é flor na corrente
É sopro suave
Estrela cadente.
Voa mais leve que as naves
Que os ventos nos mares
Uma após outra.
A vida é pena que cai
Da asa de uma ave perdida
De vale em vale expelida
A vida o vento a levou...



GILSANJES

postado em 24/3/06
Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com