A Garganta da Serpente
  • aumentar a fonte
  • diminuir a fonte
  • versão para impressão
  • recomende esta página

São Paulo da minha infância


São Paulo dos meus poucos anos
no bairro do Belenzinho
nas saudades que ficamos
daquele tempo, um bocadinho

Brincava de amarelinha
na frente do nosso jardim
cheio de bicos de papagaio
dálias, rosas e jasmins

Haviam passarinhos cantando
e borboletas azuis festeiras
nas cantigas iamos rodando
alegres nas brincadeiras

Até que veio o momento
da mudança para Santos
triste foi o sentimento
ficamos quase em prantos

Mas esta praia é um pedaço
de São Paulo, areia e mar
encravada em teu regaço
aqui nasci e aprendi a te amar

Santos, 14/05/06




Guida Linhares

(Santos/SP)
postado em 14/5/06
Copyright © 1999-2017 - A Garganta da Serpente
http://www.gargantadaserpente.com